Informações úteis

Não encontrou sua dúvida? Entre em contato.

  • addCores de Segurança

    Cores de Segurança - Norma ABNT NBR 7195/1995

     

    Cores Munsell  
    Vermelho M 5 R 4/14 Cores Munsell Locais de equpimentos de proteção e aparelhos de proteção a incêndio.
    Amarelo M 5 Y 8/12 Cuidado: Aviso de advertência, para-chouqes, parte baixas de escadas que apresentem perigo.
    Azul M 2,5 PB 4/10 Comandos elétrico, válvulas, fornos, etc...
    Preto M N 1 Coletores de resíduos. Exceto os de origem de serviço de saúde.
    Laranja M 2,5 YR 6/14 Partes móveis de máquinas e equipamentos.
    Verde M 10 GY 6/6 Segurança. Equipamento de socorro de urgência.
    Púrpura M 10 P 4/10 Perigo de radiações eletromagnéticas e materiais contaminados.
    Branco M N 9,5 Áreas em torno de equipamentos (bebedouraos, incêndio, coletores).

     

    As cores acima são meramente ilustrativas, não correspondendo ao padrão Munsell.

     

  • addCores Padrões para Coletores e Transportadores de Resíduos

    Cores padrões para coletores e transportadores de resíduos - Resolução 275 de 25/04/2001 CONAMA

     

    Vermelho Resíduos plásticos.
    Amarelo Resíduos de metal.
    Azul Resíduos de papel ou papelão.
    Preto Resíduos de madeira.
    Laranja Resíduos perigosos.
    Verde Resíduos de vidro.
    Cinza Resíduos em geral não reciclável ou misturados, ou cotaminados não passíveis de separação.
    Branco Resíduos ambulatoriais e de serviços de saúde.
    Marrom Resíduos orgânicos.
    Roxo Resíduos radioativos.

  • addCores para Tubulação

    Cores para Tubulação - Norma ABNT NBR 6493/1944

     

    Vermelho M 5 R 4/14 Equipamentos de combate a incêndio.
    Amarelo M 5 Y 8/12 Gases não-liquefeitos.
    Azul M 2,5PB4/10 Ar comprimido.
    Preto M N 1 Inflamáveis e combustíveis de alta viscosidade.
    Laranja M 2,5YR6/14 Produtos químicos não gasosos em geral.
    Verde M 10 GY 6/6 Água, exceto a destinada a combater incêndio.
    Cinza Claro   Para vácuo.
     Branco  M N 9,5  Vapor.
     Alumínio    Gases liquefeitos, inflamáveis e combustíveis de baixa viscosidade. óleo diesel, gasolina,querosene,óleo lubrificante e solvente.
     Marrom M 2,5YR2/4  Materiais fragmentados não identificáveis pelas demais cores.
     Cinza Escuro    Eletrodutos.
     Púrpura  M 10 P 4/10  Álcalis. As refinarias de petróleo podem usar para idetinficação de lubrificantes (Usual. Não consta na nroma da ABNT).

     

     As cores acima são meramente ilustrativas, não correspondendo ao padrão Munsell.

  • addCores RAL, Munsell e PANTONE

    Cores RAL, Munsell e PANTONE

    RAL: O sistema de cores RAL quer dizer: Rationelle Arbeitsgrundlagen für die praktiker des Lack. A cartela é composta por 158 cores e estão divididas em 9 grupos. Cada cor é identificada por 4 algarismos.

    Grupos Numéricos Grupos de Cores N° de Cores em Cada Grupo
    1000 Amarelas 23
    2000 Laranjas 9
    3000 Vermelhas e Marrons Avermelhadas 19
    4000 Violetas e Púrpuras 6
    5000 Azuis 19
    6000 Verdes 28
    7000 Cinzas 29
    8000 Marrons 17
    9000 Pretas, Brancas, Cinzas Claras e Alumínio 8

     

    Exemplos de cores do sistema RAL: RAL 1037 amarelo sol
                                                      RAL 5015 azul céu
                                                      RAL 6002 verde folha
                                                      RAL 7031 cinza azulado

  • addDicas e cuidados ao pintar

    1 - use sempre o equipamento de proteção individual (óculos, máscara, luvas, avental, sapatos adequados, etc).

    2 - Após a execução do serviço, lave imediatamente as ferramentas ultilizadas, usando o diluente especificado.

    3 - Faça sempre a diluição recomenda, pois assim a aplicação será mais fácil.

    4 - Se for utilizar rolo para pintura com epóxi use rolo de lã pelo curto especial para epóxi.

    5 - se for utilizar trincha (pincél) procure fazer movimentos verticais suaves, cobrindo quadrados de aproximadamente 60 cm².

    6 - Para pintura com esmalte sintético é recomendado trincha (pincél) de seda, pois estes não deixam marca das cerdas.

    7 - Respingos de tinta na pele, lavar em seguida com água e sabão ou produto específico para a pele. Se repingar nos olhos, lavar imediatamente com água em abundância com água durante 15 minutos e procure auxílio médico.

    8 - Se durante a pintura ocorrer respingos, limpe imediatamente com pano embebido no diluente especificado.

    9 - A aplicação de tinta sem a diluição recomenda não aumenta a cobertura, mas diminui o rendimento e a camada grossa dificulta a secagem.

    10 - Assegure ventilção adequada quando a pintura for em ambientes confinados, ou de pouca ventilação natural, isso auxilia significativamente na secagem.

    11 - As lixas são recomendadas para uniformizar as superfícies e aumentar a aderência da tinta.

    12 - As sobras de tintas nas embalagens originais são melhores conservadas para uso futuro se após tampadas forem emborcadas, com tampas para baixo, pois impedirão a saída do solvente e consequentemente a deterioração da tinta.

  • addDicas para Pintar com Tintas Catalisadas Epóxi, Poliuretâno e Outras Tintas

    1 - Todas as tintas catalisadas a catálise (mistura) entre as partes A tinta e B catalisador ou endurecedor estão indicada na etiqueta que consta na embalagem do produto.

    2 - Adicionar lentamente o catalisador/endurecedor (componenete B) sobre a tinta (componente A), mexendo até homogeinizar completamente.

    3 - Deixe a mistura descançar entre 15 a 30 minutos antes de iniciar a pintura.

    4 - Se necessário dilua com o solvente indicado antes da pintura.

    5 - Produtos catalisados tem vida útil após a mistura dos componentes A + B. Veja no boletim técnico do produto o tempo indicado para o produto.

    6 - Prepare somente a quantia que será utilizada durante o período de vida útil. Não guarde tinta catalisada.

    7 - ambientes confinados com pouca ventilação natural e necessário ventilação forçada que renove o ar.

    8 - Tempo de secagem é influenciado pela umidade relativa do ar e da temperatura. Veja o boletim técnico do produto.

    9 - A resistência quimica, dureza e demais propriedades do produto são atingidas somente após a cura final, que leva em média 7 dias.

    10 - Intervalo entre demãos: As tintas catalisadas tem secagem diferentes entre si, portanto respeito a esse tempo é impressindível. O não cumprimento desse tempo poderá ocorrer que na tentativa de passar nova demão de tinta, o solvente constante nessa tinta irá revolver (mexer) com a camada de tinta anterior e por não estar suficientemente seca se mistura com a nova e não ocorre nova camada.

    11 - Só existe uma nova demão quando a camada anterior estiver completamente seca e não se modifica em contato com a tinta da nova demão.

    12 - Tintas epóxi sofrem calcinacão e amarelamento quando expostas aos raios solares, preservando no entanto sua resistência química e mecânica.